Muros da vergonha

15 11 2009

1258281870621MUROS-EN-EL-MUNDO

No passado dia 9 de Novembro, o mundo celebrou o vigésimo aniversário da queda de um muro, baptizado como o da “vergonha“, mas a ignominia não acabou com o derrube dos blocos que dividiam Berlim em duas partes.

Outros muros, como aqueles que separam o norte do Mediterrâneo dos povos do Sul, continuam de pé. Barreiras como as que existem, entre Ceuta e Melilla, ou a parede metálica que separa os Estados Unidos do México, são outras vergonhas.

 

1258223765505_3E1902B2-EAB9-42D0-A3D3-9FC17573FED1_dn(Foto: muro que separa os EUA do México)

Os blocos que cercam a Cisjordânia ou os muros marroquinos que separam os saharauis dos familiares que ficaram no Sahara Ocidental, anexado por Marrocos, são outras vergonha. Mas ainda há muralhas herdadas da Guerra Fría, como a que divide as duas Coreias.

Os pretextos não faltam: desde o controle da imigração à necessidade de conter o terrorismo, mas os fins não conseguem ocultar as injustiças que vigoram neste planeta.

Anúncios

Acções

Information

One response

25 03 2010

Tá muto bom

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: