Morreu Miriam Makeba

12 11 2008

Miriam Makeba, cantora sul-africana de 76 anos, faleceu na segunda-feira, vítima de um enfarte, depois de ter participado num concerto anti-camorra e anti-racista, realizado, em Castelvolturno, Itália.  

 

De recordar que, em Setembro passado, a máfia napolitana assassinou seis imigrantes africanos. Além disso, o concerto serviu para apoiar o escritor Roberto Saviano, autor de “Gomorra”, condenado à morte pela camorra por causa das suas denúncias.


Miriam Makeba alcançou fama mundial, nos anos 70, com o tema “Pata Pata”, a primeira canção africana a chegar aos primeiros lugares dos ranking da música pop.  Foi também autora de duas canções célebres “The Click Song” e “Malaika”.

 

A cantora ficou famosa pela sua luta contra o “apartheid” e esteve 30 anos fora do seu país. Em 1963, o governo segregacionista da minoria branca sul-africana obrigou-a ao exílio, proibindo todos os seus discos.

 
Miriam Makeba viveu na Europa e nos Estados Unidos, onde se casou, em 1968, com Stokely Carmaichael, um dos líderes do movimento negro pelos direitos civis. O matrimónio custou-lhe perseguições que complicaram a sua carreira profissional.  

 

Por esse motivo, mudou-se com o marido, em 1973, para a Guiné-Conakry. Voltou para a Europa, em 1985. O presidente Nelson Mandela convenceu-a a regressar à sua terra natal, em 1990.

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: